Alguns erros comuns da língua portuguesa

Quando estamos começando a aprender a falar a nossa língua mãe, no caso, o português, é comum que alguns erros aconteçam no meio do caminho, seja de gramática, escrita ou até mesmo pronunciação. Afinal, não seria pra menos, com uma língua tão complicada, cheia de regrinhas, conjugações e complicações.

Hoje vamos falar sobre alguns errinhos mais comuns que acontecem na língua portuguesa, que você pode estar cometendo e que ainda não se tocou, por exemplo.

Uso de onde sem se referir a local

O pronome comumente usado “onde”, mostra local, por isso, não deve ser usado de forma diferente. Quando não existir essa noção de localização, é melhor usar “em que” ou “no qual”, além de tantas outras variações para que não existam problemas na hora da comunicação.

Misturar tu e você

Ao usar um dos estilos de se referir aos outros, é preciso usar o mesmo padrão durante todo o período do texto, por isso, caso exista o uso do “tu”, use esse mesmo modelo até o texto acabar, caso contrário, vai ficar esquisito para quem está lendo seu texto encontrar as duas variações.

O “você” é o que é mais utilizado por aí, já o “tu”, é uma maneira mais regional de se falar referido ao você. Por isso, a primeira versão, é a mais indicada, porque você pode abranger mais leitores do que com o uso da referência mais explicita.

Você também precisa aprender a utilizar os diferentes tipos de porquês da língua portuguesa.

Com alguns esforços e pensamentos ao escrever um texto, principalmente com uma boa revisão após o término, poderá existir uma escrita melhor, com mais inteligência, e claro, muito mais clareza na hora da leitura.

Por isso, escrever e ler novamente tudo o que você fez, é uma boa maneira de ter a plena certeza de que o conteúdo está mais correto e dentro daquilo que queria passar ao leitor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *